O que é capital de giro? Como funciona e quais são seus objetivos

O capital de giro sempre deixa muitas dúvidas na cabeça de quem quer empreender. Afinal, como ele funciona e como calcular o da sua empresa? 

Para explicar melhor como ele funciona e como montar o seu de forma eficaz e estratégica para ajudar no crescimento do seu negócio, criamos esse conteúdo.

Empréstimo facilitado

Portanto, para saber mais como funciona o capital de giro, continue lendo e confira!

O que é capital de giro?

Para explicar de forma simplificada, o capital de giro é nada mais que uma reserva de dinheiro que todo negócio deve ter, para que possa arcar com os seus custos ao longo de todos os meses.

Esse deve ser o dinheiro que deve fazer a empresa funcionar enquanto não existe efetivamente lucro. Funcionando como uma reserva que deve existir desde o início do negócio.

O capital de giro é o dinheiro que a empresa precisa para se manter até receber o dinheiro pelos seus serviços, fazendo com que o negócio se sustente de forma saudável.

Qual objetivo do capital de giro?

O capital de giro tem como objetivo manter todos os processos e operações da empresa girando, mantendo assim, o seu funcionamento.

Pois, para fazer um negócio funcionar, seja ele qual de qual ramos for, é preciso de capital para que ele continue mantendo os itens necessários para produção, pagar os funcionários e continuar a rotina da empresa.

Entenda mais sobre os tipos de objetivos do capital de giro.

Pagamento de fornecedores

Aqui o objetivo é conseguir pagar todos os compromissos com os fornecedores. Fazendo uso do capital de giro é possível não atrasar o pagamento dos produtos ou serviços contratados pela empresa.

Financiamento aos clientes

Esse objetivo permite que a empresa trabalhe com serviços ou produtos financiados para os seus clientes. Dessa forma, permite o parcelamento de compras quando a empresa tem capital de giro para cobrir essas parcelas.

Manutenção de estoques

Aqui o capital de giro tem a função de colaborar com a manutenção do estoque, mantendo ele abastecido independente da venda dos produtos. 

Como calcular o capital de giro?

Agora que já sabemos como funciona, chegou a hora de entender como fazer para calcular o capital de giro.

O primeiro passo é entender que o capital de giro sofre influência de várias variantes como o custo, prazo de estoque, pagamentos, entre outros. Para chegar nele é preciso ter todo o fluxo de caixa da empresa organizado.

Sendo assim, o capital de giro é composto por duas variáveis:

Ativo circulante

São todas as contas a receber, aplicações financeiras, banco, caixa e outros recursos.

Passivo circulante

São as contas a pagar, empréstimos, fornecedores, etc.

Dessa forma, o CG= AC-PC, ou seja, o ativo circula menos as despesas da empresa, a diferença resulta no capital de giro.

Este é um cálculo que deve ser feito com frequência, para que se possa garantir o bom funcionamento financeiro da empresa e para que não haja nenhum tipo de surpresa desagravel nos resultados.

Quem precisa de capital de giro?

Geralmente as empresas que mais precisam de um capital de giro são aquelas que decidem por expansão, o que acontece frequentemente com empresas de pequeno porte em evolução.

Isso se deve ao fato de que nesse momento do negócio, o lucro dessas empresas não gera o valor satisfatório para cobrir as despesas necessárias. 

O capital também é muito importante para quem está iniciando o negócio agora e está ganhando clientes. O indicado é conseguir uma forma de financiar a empresa.
Se está em busca de abrir ou expandir seu restaurante e precisa de capital de giro, conte com o apoio da Pantore Pay e tenha controle da sua vida financeira.

Compartilhe com os amigos em suas redes

Destaques

Conteúdos relacionados

Tentando baixar nosso APP?

Vamos te ajudar!

Você provavelmente está tentando baixar nosso aplicativo no computador, mas isso não é possível. Para conseguir fazer o download, visite nosso site usando um dispositivo Android ou iOS. Assim, poderemos encaminhá-lo diretamente para a loja de aplicativos certa.